modo economia de energia – o que é & como praticar

escrevo este texto para pessoas que são como eu: muito ativas. que trabalham em diferentes projetos ao mesmo tempo e precisam dar conta de muitas atividades cotidianamente.

às vezes, a gente pifa. e isso pode ser qualquer coisa: um momento familiar complicado, uma condição de saúde ou mesmo um cansaço extremo.

não quero entrar no ponto sobre como o funcionamento da sociedade afeta o nosso modo de existir ao ponto de que rotinas saudáveis são cada vez mais raras. ou sobre o quanto o trabalho precarizado contribui para que a gente precise criar alternativas para lidar com momentos difíceis “sem deixar a peteca cair” – porque não conseguimos folgas remuneradas, temos medo de demissões ou de perder clientes (em resumo: de ficar sem dinheiro). o importante, para este texto, é apenas considerar que existe um contexto para que a gente crie o nosso modo pessoal de economia de energia.

foi o que eu fiz quando me deparei com um momento de saúde delicado nesse ano. conto mais sobre isso no último artigo. e, neste texto, quero contar um pouco mais sobre essa estratégia de sobrevivência em tempos difíceis!

o que é?

o modo pessoal de economia de energia é uma estratégia de negociação que se materializa em um cotidiano mais tranquilo por um certo período de tempo.

para entrar neste modo, você precisa:

  • reconhecer que sua rotina está demandando mais do que você pode oferecer no momento;
  • compreender que esta é uma situação temporária – mas que, provavelmente, você não consegue estimar a duração;
  • entender que você poderá retomar a sua rotina anterior ou não – você decide no meio do caminho;
  • ser honesta consigo e com os outros sobre os seus limites.

a partir daí, você negocia com você mesma o que precisa ser mantido (e de que forma!) e o que pode ficar para depois. você talvez precise conversar com outras pessoas sobre o que está se passando: liste as conversas que você precisa ter e faça delas a sua prioridade.

assumir que você precisa pisar no freio – seja qual for o motivo – não é tarefa fácil. mas, ao meu ver, é menos doloroso atravessar este momento de uma só vez e olhar para o que está acontecendo com carinho e atenção do que insistir em uma rotina que não serve para o seu momento.

para ilustrar: negociar prazos com antecedência sempre será melhor que justificar que os prazos combinados não foram cumpridos. negociar prazos e acordos pode ser desgastante – mas é melhor fazê-lo de uma vez (como arrancar um bandaid!) do que fazer aos poucos. a segunda opção geralmente significa sentir-se fracassando cotidianamente por não cumprir expectativas e ter que lidar com suas questões justificando-se para o mundo.

como praticar

você não precisa ser previamente organizada para ativar o modo de economia de energia. porém, ajuda ter uma estrutura de organização consolidada para ter clareza do que você mantém na rotina, do que você delega, do que você elimina e do que você está só deixando para depois. se você não tem – talvez seja a hora de criar uma!

primeiro, faça uma lista dos projetos em andamento na sua vida. então, analise quais deles devem ser mantidos e quais podem ficar para depois. esta decisão é extremamente pessoal: para uma pessoa, pode fazer sentido sair (mesmo que temporariamente) de um grupo de pesquisa para manter um projeto autônomo que traz um dinheiro importante. para outra, pode ser exatamente o contrário. no meu caso: eu mantive minhas clientes e alunas e acordos com sócios, mas deixei toda produção de conteúdo em pausa.

seja honesta e avalie consigo mesma os impactos de manter um projeto em andamento ou de deixá-lo em segundo plano.

em seguida, a partir das suas decisões, veja se é necessário conversar com alguém. se você mora com outras pessoas, converse com elas. se você precisa negociar prazos com clientes, converse com eles. quando eu entendi que precisaria parar a produção de conteúdo por um tempo, conversei com todas as pessoas envolvidas.

então, cuide-se! siga se comunicando e lide com a situação com a atenção que ela merece. viva a rotina possível para o momento, entendendo quais são suas prioridades e como elas se materializam no seu cotidiano. o modo de economia de energia não dura para sempre: você saberá quando e como retomar seu ritmo recarregada!

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é giphy.gif

por sim, você não precisa passar por isso sozinha. contrate uma professora de organização se você estiver precisando de ajuda técnica ou ligue para uma amiga e peça que ela te apoie enquanto você analisa seus projetos. peça ajuda!

Comments

No comments yet. Why don’t you start the discussion?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *